Suporte a nota fiscal eletrônica

Você quer suporte ao Emissor de notas da Gosocket?

Você muitas vezes se depara com dúvidas de como corrigir uma nota, com emitir uma nota de devolução, ajuste ou está com problema no JAVA.

Nós somos especialistas em nota fiscal. Aproveite tudo o que o emissor de notas oferece, como segurança, busca de notas, guarda e emissão. E muito mais…

Problemas suportados:

  1. Meu navegador desconfigurou e não consigo entrar mais no sistema.
  2. Esqueci meu acesso como faço.
  3. Meu JAVA atualizou e não estou conseguindo assinar.
  4. Preciso cancelar uma nota e o prazo passou, o que faço.
  5. Estou com um erro na nota e não consigo achar o problema.
  6. Não estou conseguindo manifestar notas o que está acontecendo.
  7. E muito mais.

Solicite nosso suporte PREMIUM. Mande um e-mail para suporte@ativasoft.com.br com o titulo QUERO SUPORTE PREMIUM e enviaremos a proposta com informações para seu aceite.

 

Perguntas e Respostas aos principais erros ao emitir uma nota fiscal 4.00

Perguntas e Respostas aos principais erros ao emitir uma nota fiscal 4.00

No site do próprio Gosocket é possível encontrar perguntas e respostas aos principais erros do emissor de nota fiscal (menu ajuda). Neste documento FAQ, o usuário poderá acessar informações a respeito de como começar o emissor e descobrir como resolver alguns problemas.

Mapeamos aqui os principais erros deste documento, para que possa consultar de maneira simples e facilitada.

 

Perguntas e Respostas aos principais erros do emissor de nota fiscal na versão 4.00

Pagamentos é de preenchimento obrigatório.

  • Selecionar o meio de pagamento.
    • Outros – para o pagamento normal, parcelado ou a vista. Sempre informar o valor total da nota.
    • Sem Pagamento – se for retorno, remessa, devolução ou outra sem pagamento.Sempre informar 0,00.

O grupo de cartões somente informar se for pagamento com cartão.

Transporte.

  • Se tornou obrigatório informar a modalidade do frete.
  • Se não tiver transporte informa 9 – sem ocorrência de frete.
  • Qualquer outro, obriga a informar dados do transportador e volumes.

Cobrança

  • Se informadas as parcelas tem que informar os campos da fatura
    • onde o valor liquido tem que ser igual a soma das parcelas.

Ter um suporte faz a diferença

A sua empresa deve emitir notas fiscais mensalmente, podendo usar o sistema gratuitamente. Isso fará que eventualmente ocorram erros ou na aplicação ou no momento de autorização da nota fiscal. Quando o erro aparecer, sua empresa deveria ter o conhecimento de alguns erros comuns, pois podem ajudar na resolução imediata do problema.

O problema está realmente neste conhecimento de erros e soluções comuns. A sua empresa está focada no negócio e não em como emitir cada nota fiscal, e neste momento que o suporte especializado entra. Ter um suporte com profissionais que poderão lhe ajudar em questões de minutos, poderá fazer toda a diferença numa venda.

 

Especialistas em Nota Fiscal

Nossa empresa trabalha com nota fiscal desde o seu início e ao longo dos anos aprendeu muito. Estamos diariamente resolvendo problemas e dúvidas de milhares de usuários pelo Brasil. Com isso geramos satisfação constante de nossos clientes, que agradecem por ter iniciado uma parceria de trabalho mesmo, entre empresas sérias.

Gostamos de ajudar e fazemos isso usando todo conhecimento de mais de 10 anos. Além de nosso suporte, nossos clientes podem optar por usar um emissor de nota fiscal online, seguro e prático. Este sistema provê toda funcionalidade essencial para a emissão e mantenimento das notas fiscais de maneira segura.

Solicite uma conversa ou mesmo teste agora mesmo o emissor e nosso suporte, será um prazer.

Correios passam a exigir a nota fiscal no envio de encomendas

Correios passam a exigir a nota fiscal no envio de encomendas

Os correios a partir do dia 2 de janeiro de 2018, passam a exigir a nota fiscal no envio de encomendas. A medida atende às exigências dos órgãos de fiscalização tributária em relação às legislações para a circulação de mercadorias no país. Mas não afetará os Microempreendedores Individuais – empresários que podem faturar R$ 81 mil por ano.

 

Nota fiscal obrigatória anexada ao envio

Com a norma, nenhuma postagem de encomenda será aceita pela empresa sem o documento ou uma declaração de conteúdo feita pelo remetente. Segundo os Correios, essa regra é específica para a circulação de mercadorias em território nacional. As importações estão sob legislações específicas.

Os Correios também esclarecem que a legislação se aplica a todos os demais transportadores do país. A postagem de qualquer mercadoria sujeita à tributação deve ser acompanhada do respectivo documento fiscal afixado na parte externa da encomenda.

 

Meu produto e empresa não tem tributação, como fazer

Para produtos que não estão sujeitos à tributação, o remetente poderá preencher uma declaração de conteúdo. Disponível nos links abaixo ou nas agências dos Correios. O documento também deverá ser fixada na parte externa.

Link para documento PDF       |         Link para documento DOCX

 

MEI – O que muda com esta nova exigência

Segundo o Sebrae, ao enviar mercadoria para clientes Pessoa Física, o microempreendedor deverá apenas preencher uma declaração de conteúdo da embalagem. O mesmo documento citado acima, disponíveis no site do correio aqui.

Já nas operações para destinatário Pessoa Jurídica, é dispensável a emissão do documento fiscal quando este emitir nota fiscal de entrada. A emissão da nota fiscal na origem, para empresas que compram de Microempreendedor Individual, é obrigatória em alguns estados, como São Paulo.

 

Atenção

Consulte sua receita federal ou até os correios em caso de dúvidas de como preencher os documentos ou anexar em seus envios. Ao exigir a nota fiscal no envio de encomendas, a fiscalização também estará trabalhando mais ativamente, veja como ficar dentro da lei e não pegar nenhuma multa.

Lembro que os Correios ressaltam que essa regra não é nova para as postagens de pessoas jurídicas, já que as empresas de e-commerce já adotam essa prática. A mudança se aplica principalmente para as postagens feitas no varejo, diretamente nas agências.

Como proceder no caso de problemas com a emissão de NF-e? Quais as Contingências?

Como proceder no caso de problemas com a emissão de NF-e? Quais as Contingências?

Problemas com a emissão de NF-e podem parar seu faturamento e até suas entregas, tornando-se em prejuízo. Porém para problemas de comunicação com a Sefaz do seu estado, existem alternativas de emissão, chamado de Contingência.

A emissão em contingência é utilizado quando ocorre algum problema técnico, que pode ser tanto na Secretaria da Fazenda como no ambiente do próprio contribuinte, não havendo como fazer a transmissão do arquivo digital da NF-e.

 

Hoje, a Secretaria da Fazenda permite que, além da emissão da NF-e, algumas modalidades de contingências possam ser utilizadas caso ocorra algum problema.

 

Tabela de Contingências da Nota Fiscal

TipoCaracterísticasQuando UsarO que preciso
Formulário de Segurança (FS-DA)A impressão do formulário de segurança deverá ser feita em duas vias e em papel-moeda. Uma ocorrência deverá ser realizada em um livro próprio para esse fim e, quando o problema técnico for solucionado, a NF-e deverá ser transmitida normalmente.Quando as outras opções não funcionam, devido ao custo com o formulário de segurançaAdquirir o Formulário de Segurança
Evento Prévio de Emissão em Contingência (Epec)É alternativa de emissão de NF-e em contingência com o registro prévio do resumo das NF-e emitidas. O registro prévio das NF-e permite a impressão do DANFE em papel comum. A validade do DANFE está condicionada à posterior transmissão da NF-e para a SEFAZ de OrigemQuando a SEFAZ estiver offline. Custo baixoPapel Normal para Impressão
Sefaz Virtual de Contingência (SVC)Este tipo de emissão somente é utilizado quando a SEFAZ de origem estiver inoperante, e a mesma solicitar a ativação da contingência SVC para o Ambiente Nacional.Tambpem tem a vantagem de eliminar a necessidade de emissão da NF-e em uma série específica e sem a necessidade de transmissão da NF-e para a SEFAZ de origem.Quando a SEFAZ estiver offline e habiltar este serviçoPapel normal

 

Não deixe de emitir sua nota fiscal

A parada na emissão de nota fiscal pode gerar problemas para sua empresa. A entrega, satisfação do cliente e custos operacionais podem ser afetados, caso sua empresa tenha que ficar parada. Tenha sempre um sistema que habilite a opção em contingência, deixando você escolher a melhor opção.

Conhecer suas possibilidades melhora seu relacionamento com a nota fiscal. Conheça um emissor online que permite sua empresa, cadastrar e gerenciar suas emissões, além de permitir emitir todo tipo de nota fiscal.


 

Em operações interestaduais e de exportação o DANFE deve acompanhar a mercadoria?

Em operações interestaduais e de exportação o DANFE deve acompanhar a mercadoria?

Sim, o DANFE deve acompanhar a mercadoria. A NF-e substitui a Nota Fiscal em papel modelos 1, 1A ou 4 e o DANFE (representação gráfica simplificada da NF-e) é aceito no trânsito interestadual da mercadoria e no trânsito até o embarque da mercadoria nas operações de exportação.

A Receita Federal, os demais Estados da Federação e o Distrito Federal, independentemente de determinada Unidade da Federação, aceitam o modelo como hábil para acompanhar o trânsito e o recebimento de mercadorias em qualquer parte do território nacional.

 

A Cláusula oitava do Ajuste SINIEF 07/05, determina em seu parágrafo primeiro:

“Cláusula oitava Concedida a Autorização de Uso da NF-e, a administração tributária da unidade federada do emitente deverá transmitir a NF-e para a Receita Federal do Brasil.
§ 1º A administração tributária da unidade federada do emitente também deverá transmitir a NF-e para:
I – a unidade federada de destino das mercadorias, no caso de operação interestadual;
II – a unidade federada onde deva se processar o embarque de mercadoria na saída para o exterior;
III – a unidade federada de desembaraço aduaneiro, tratando-se de operação de importação de mercadoria ou bem do exterior;
IV – a Superintendência da Zona Franca de Manaus – SUFRAMA, quando a NF-e tiver como destinatário pessoa localizada nas áreas incentivadas.
(…)”

 

No caso de vendas para pessoa física, qual documento será entregue – o DANFE?

A Nota Fiscal Eletrônica substitui, atualmente, a Nota Fiscal de circulação de mercadorias Modelo 1, 1A ou 4, normalmente emitida em operações entre empresas. É possível que as empresas emitam a Nota Fiscal Modelo 1, 1A ou 4 também a consumidores pessoas físicas em determinadas situações.

Em quaisquer dos casos, a Nota Fiscal modelo 1, 1A ou 4 poderá ser substituída pela Nota Fiscal Eletrônica, sendo que o consumidor final, pessoa física, receberá o DANFE como representação do documento fiscal e poderá consultar a sua existência e validade pela Internet.

 

Como confirmar a entrega da mercadoria com a NF-e?

Não há nenhuma alteração com relação aos procedimentos comerciais existentes com a Nota Fiscal em papel. No Layout do DANFE existe a previsão de um espaço destinado à confirmação da entrega da mercadoria. Este canhoto poderá ser destacado e entregue ao remetente.

Futuramente, as unidades federadas envolvidas na operação ou prestação poderão, mediante protocolo ICMS, exigir informações do destinatário com relação ao Recebimento das mercadorias e serviços constantes da NF-e, a saber:

  • I – confirmação do recebimento da mercadoria documentada por NF-e;
  • II – Confirmação de recebimento da NF-e, nos casos em que não houver mercadoria documentada;
  • III – Declaração do não recebimento da mercadoria documentada por NF-e;
  • IV – Declaração de devolução total ou parcial da mercadoria documentada por NF-e

A operação atual da manifestação do destinatário, detalhado aqui, é a operação online e legal usado para a confirmação.

 


 

Há obrigatoriedade da guarda do DANFE (emitente e destinatário)?

Há obrigatoriedade da guarda do DANFE (emitente e destinatário)?

A guarda do DANFE fica restrita apenas a algumas empresas, detalharemos abaixo essa e outras dúvidas.

A regra geral é que o emitente e o destinatário deverão manter em arquivo digital as NF-e pelo prazo estabelecido na legislação tributária. Os mesmos deverão ser ser apresentados à administração tributária, quando solicitado. Assim, o emitente e o destinatário deverão armazenar apenas o arquivo digital.

 

No caso da empresa destinatária das mercadorias e da NF-e, ela não precisará, portanto, manter a guarda do DANFE. Contudo está obrigada a receber a NF-e, devendo guardar apenas o arquivo digital recebido.

Caso o destinatário não seja contribuinte credenciado para a emissão de NF-e, o destinatário poderá, alternativamente, manter em arquivo o DANFE relativo a NF-e. Da mesma maneira, deverá manter pelo prazo decadencial estabelecido pela legislação em substituição ao arquivo eletrônico da NF-e.

Reforçamos que o destinatário sempre deverá verificar a validade da assinatura digital e a autenticidade do arquivo digital da NF-e.

Importante observar que pelo §6º do artigo 9º da Portaria CAT 104/07, o emitente da NF-e deverá, obrigatoriamente, disponibilizar download ou encaminhar o arquivo eletrônico da NF-e, e seu respectivo protocolo de autorização ao destinatário.

 

Se houver o extravio do DANFE durante o transporte da mercadoria, como proceder?

O emitente deverá realizar a reimpressão do DANFE e encaminhá-lo ao transportador ou ao destinatário, caso a mercadoria já tenha sido entregue. O trânsito da mercadoria documentado por uma NF-e sempre deverá estar acompanhado do DANFE correspondente.

A reimpressão poderá ser dispensada se o destinatário já tiver recebido a mercadoria e não mantiver o DANFE em substituição ao arquivo digital da NF-e.

 

As empresas que ainda não emitem NF-e poderão escriturar o DANFE sem a consulta da NF-e?

O DANFE é mera representação gráfica da NF-e e não se confunde com a NF-e. Aos contribuintes que não estão preparados para recepcionar a NF-e é facultado proceder a escrituração da NF-e com base nas informações contidas no DANFE e manter o DANFE em arquivo em substituição à NF-e.

Contudo, a obrigação de verificar a validade da assinatura digital, a autenticidade da NF-e e a existência de Autorização de uso da NF-e se aplica a todos os destinatários, sejam eles credenciados a emitir a NF-e ou não, tratando-se de uma segurança adicional ao destinatário.

Fonte: https://www.fazenda.sp.gov.br/nfe/perguntas_frequentes/respostas_V.asp

 

Resumo da Guarda da DANFE

Emissor de qualquer Nota Fiscal: Deverá manter o XML da NF-e pelo prazo legal

Receptor de qualquer Nota Fiscal: Deverá manter o XML da NF-e pelo prazo legal

Exceção: empresas que apenas recebem nota fiscal e não emitem NF-e: Podem guardar DANFE impresso pelo prazo legal

Vantagens e Desvantagens: Manifestação do Destinatário

Vantagens e Desvantagens: Manifestação do Destinatário

Manifestação do Destinatário é uma das ferramentas da SEFAZ que permite ao destinatário ter controle das operações com notas fiscais eletrônicas envolvendo seu CNPJ.
Uma das principais vantagens é permitir o destinatário realizar o download do XML da nota e impossibilitar o emitente de cancelar o documento. De acordo com o Ajuste SINIEF 17/2012, que altera o Ajuste SINIEF 07/2005 (que regulamenta a nota fiscal eletrônica), estabelecimentos distribuidores, postos de combustíveis, transportadores e revendedores retalhistas, possuem a obrigatoriedade de registro de eventos fiscais, como a de Manifestação do Destinatário. Entretanto, qualquer empresa pode realizar de forma voluntária.

 

 

 

Conhecendo cada operação

A Manifestação do Destinatário possui quatro eventos fiscais: Ciência da Operação, Confirmação da Operação, Operação Não Realizada e Desconhecimento da Operação.

 

Ciência da Emissão

A Ciência da Operação é um meio de informar que o destinatário tem ciência do movimento e também liberar o download do arquivo XML, mas ainda não é uma manifestação conclusiva. O prazo para transformar em conclusiva é de até 180 dias.

 

Confirmação da Operação

Uma das manifestações conclusivas é Confirmação da Operação, que libera o download do arquivo XML para download. Deve ser feita somente quando a entrada física da mercadoria for confirmada.
A partir desse evento, o emitente da nota fiscal eletrônica fica impedido de fazer o cancelamento, que acontece geralmente para evitar pagamento de tributos.

 

Operação Não Realizada

A Operação Não Realizada é informada pelo destinatário quando não houver entrada física da mercadoria, como por exemplo sinistro no transporte ou a recusa do recebimento.

 

Desconhecimento da Operação

O Desconhecimento da Operação é um grande auxílio aos portadores de Inscrição Estadual e CPNJ.
Protege o destinatário de fraude e de passivos tributários, uma vez que Qualquer manifestação pode ser alterada, ou seja, uma mesma nota fiscal eletrônica comporta registros diferentes.

Atenção: O mesmo evento não pode ser realizado duas vezes.

 

Vantagens da Manifestação do Destinatário

Além de encontrar possíveis irregularidades e fraudes contra sua IE ou seu CNPJ, evita que o emissor cancele ou altere a nota fiscal eletrônica. Sendo assim, você fica protegido de ações do Fisco e consegue ter controle sobre seu negócio e entradas.

  • Evita o cancelamento de nota fiscal pelo fornecedor
  • Recebimento adiantado de XML da nota fiscal
  • Confirmar o recebimento da mercadoria

 

Desvantagens da Manifestação

  • Obrigatório manifestação após fazer a Ciência da emissão
  • Empresas que se enquadram na lei, devem fazer a manifestação obrigatoriamente

Como fazer a Manifestação

A manifestação do destinatário é um procedimento que exige a utilização de um certificado digital válido. Com ele você poderá manifestar e buscar suas notas na SEFAZ.

O governo disponibiliza um aplicativo de manifestação gratuito para download e instalação no seu computador, podendo utilizar o certificado A3 e A1. O processo neste caso é totalmente manual e necessita instalação.

Ok, mas preferimos muito mais um aplicativo Online para Manifestação e Busca automática das notas, onde o usuário poderá configurar seu certificado A1 e deixar o aplicativo monitorar todas as notas emitidas contra seu CNPJ. Além disso ele poderá armazenar automaticamente suas notas, deixando tudo seguro e prático (XML e PDF).

O aplicativo Manifestação do Gosocket fará tudo isso para sua empresa. Manifestamos, buscamos e armazenamos suas notas, tudo de maneira automática e segura. E ainda tenha imediatamente o DANFE e XML de suas notas.

Cadastre-se gratuitamente e veja como é simples gerenciar e buscar todas as usa notas. Ahh ainda receba notificações diárias de suas notas recebidas.

 manifestacao

Nota fiscal denegada, o que fazer?

Nota fiscal denegada, o que fazer?

Tive uma nota fiscal denegada, como posso resolver?

Primeiro precisamos entender porque a Sefaz retorna esta informação para a sua NF-e. Uma nota fiscal denegada significa que foi identificado irregularidades no destinatário, e esta nota não pode mais ser alterada. Vamos mostrar quais problemas podem ter ocorrido.

 

Porque minha NFe foi denegada

A rejeição com a justificativa de denegada é retornada quando geralmente quando o destinatário tenha irregularidades na Sefaz, como Inscrição Estadual baixada. Neste caso o número da nota não pode ser mais utilizada. Esta nota fica inválida e não pode ser faturada, já que não será autorizada pelo governo.

 

O que pode ser feito

Como mencionado a nota fica inválida e não pode ser utilizada, no entanto a empresa emissora deverá guardar esta nota pelo prazo legal na legislação. A inutilização do número também não pode ser executado.

Após confirmar que a nota está denegada, é recomendável avisar seu destinatário e validar com o mesmo a situação. Um consulta no Sintegra também pode esclarecer a situação real do cadastro estadual do cliente, validando se está habilitado ou não.

 

Consulta cadastro do cliente

Para ajudar na mitigação deste tipo de problema, o emissor pode realizar uma consulta ao cadastro da empresa na receita. Esta consulta é realizada de forma simples no site sintegra.gov.br. A consulta detalhará a situação da consulta, como na imagem abaixo.

 

Um portal para emissão e consulta de notas

Muitas empresas precisam encontrar suas notas fiscais diariamente, e nada mais tranquilo manter as notas sempre armazenadas e seguras. Isso porque sua empresa pode precisar de notas emitidas e recebidas por até 5 anos, solicitadas pela fiscalização ou por clientes até.

Para um armazenamento seguro, temos uma opção que pode ajudar sua empresa com muita segurança. Veja como podemos lhe auxiliar com nosso portal de notas fiscais Gosocket. Sem limitações ou complicações.

Cadastra-se e teste sem compromisso. Descubra além do armazenamento, tudo que temos para você.

Meu fornecedor cancelou a Nota Fiscal. Como resolver?

Meu fornecedor cancelou a Nota Fiscal. Como resolver?

Meu fornecedor cancelou a nota fiscal de uma mercadoria que chegou em minha empresa. E agora, como resolver esta contra tempo? Você pode pensar que uma dor de cabeça será gerada com isso, mas vamos lhe ajudar a identificar as melhores soluções.

 

Qual o período permitido para cancelamento

Após uma nota fiscal emitida, o fornecedor tem até 24 horas para cancelar e comunicar o seu cliente. Isso pode ser feito caso a nota fiscal não tenha sido transportada e mercadoria não tenha seja recebida. Caso a NF-e já tenha sido usada pelo transportador, um CT-e será emitido e isso bloqueará o cancelamento.

O fornecedor que cancelou a nota fiscal enviada para sua empresa, deverá justificar a operação e comunicar imediatamente os responsáveis, como sua empresa e transportadores.

 

Como resolver o problema

No caso do cancelamento da nota, sua empresa não tem muita escolha. Deve-se realizar a comunicação com o fornecedor para entender a situação e caso não haja a emissão de uma nova nota, substituindo a anterior, a mercadoria não deverá ser recebida.

Uma nota fiscal cancelada não tem mais validade fiscal e não deve ser considerada. Portanto o problema será resolvido com a emissão de uma nova nota, acordada com seu fornecedor.

Maneira de evitar o cancelamento da NF-e

Existe uma maneira legal de evitar que seu fornecedor cancele a nota sem seu consentimento. Este processo chama-se Manifestação do Destinatário, e é legalmente usado por milhares de empresas no Brasil.

Para realizar a manifestação do destinatário é necessário:

  1. Possuir o certificado digital válido (modelo A1 ou A3);
  2. Ter o Java instalado;
  3. Possuir o aplicativo da Sefaz ou uma solução na nuvem, como o Gosocket.

Confira aqui o tutorial completo.

 

Como verificar a situação da minha NF-e

A situação da nota fiscal sempre pode ser verificar diretamente no site da sefaz. Isso pode ser feito sempre que sua empresa tiver a chave de acesso da nota (site sefaz) ou usando a manifestação como mencionado anteriormente.

Uma outra forma simples de realizar é a através do portal Gosocket, parceira Ativasoft, que desenvolveu uma solução que trabalha 100% na nuvem e recebe todas as suas notas, valida e armazena de forma segura. O aplicativo funciona de forma a monitorar todas as notas emitidas contra o seu CNPJ, deixando você baixar imediatamente as notas e visualizadas. Além disso permite realizar a manifestação, garantindo a operação com seu fornecedor.

Conheça mais a solução e teste sem nenhum custo.

Não armazenei meu XML, como recuperar minha nota fiscal?

Não armazenei meu XML, como recuperar minha nota fiscal?

Não encontrar um XML de nota fiscal é comum e você deve estar se perguntando, como recuperar minha nota fiscal? Bom, temos algumas maneiras que podem ser usadas para recuperar notas fiscais. Não acredite em milagres que muitas vezes podem aparecer por ai, usaremos aqui apenas técnicas legalmente permitidas.

Uma nota fiscal, por lei, deve ser armazenada por 5 anos em local seguro e acessível. Este documento hoje, para a maioria das empresa, é o XML da NF-e. Este famoso arquivo de computador é o qual uma fiscalização ou cliente irá solicitar para comprovar legalmente o negócio com sua empresa.

 

Não, não, não, não acredito que não encontro meus documentos. É isso que nosso amigo acima está tentando dizer, pensando não ter problemas perde-los. Não estavam sendo usados e ninguém solicitou, então porque mante-los salvos? Veja aqui como uma “multinha” pode lhe incentivar.

Agora vamos resolver nossos problemas, usando alternativas para manter atualizado e buscar nossas notas fiscais. Lembro que sua empresa deve sempre consulta sua contabilidade caso tenha dúvidas fiscais.

 

Como recuperar minha nota fiscal

O primeiro passo para iniciar a recuperação das suas notas é: pesquisa. Isso porque primeiro teremos que pesquisar quais notas queremos buscar e detalhar algumas informações. Cada nota fiscal é identificado com um campo de 44 números, chamado de “Chave de Acesso”. Este valor é o identificador da nota, e é por ele que o governo e empresas conseguem validar as informações.

Portanto para que possamos iniciar uma busca detalhada, precisamos tentar conseguir:

  • Chave de acesso de 44 números
  • Número e Série da nota fiscal
  • CNPJ do fornecedor*
  • Acesso ao e-mail que recebe as notas*
  • DANFE da nota*

*Informações não são obrigatórias, mas vão facilitar sua busca

 

Onde posso baixar meu XML

A nota fiscal só tem validade se tiver com o XML autorizado pela SEFAZ. Este documento deverá ser usado para posteriormente gerar o DANFE (pdf) da nota fiscal. Mas lembro que ainda não temos este documento, pois estamos aqui para obtê-lo, certo.

Faremos as tentativas conforme sua facilidade de manuseio e agilidade. Para iniciar, faremos um acesso em um site que permite o download do XML direto da receita, tendo a empresa que apenas ter seu certificado digital instalado.

Para esta tentativa precisaremos:

  • Chave de acesso de 44 números
  • Certificado Digital da empresa instalado no computador

Com estes pré requisitos, poderemos então realizar o download da seguinte maneira.

  1. Acesse http://www.nfe.fazenda.gov.br/portal/consultaRecaptcha.aspx?tipoConsulta=completa&tipoConteudo=XbSeqxE8pl8=
  2. Digite a chave de acesso no campo indicado
  3. Clique em “Não sou robo”, será apresentado uma confirmação
  4. Clique em “Consultar”

Após consultar, uma página como a abaixo irá aparecer. Deve-se rolar a página até o rodapé da página e clicar no botão “Download do documento*”. Com isso o sistema irá permitir permissão para usar o seu certificado digital, permite e baixe a nota.

 

2ª Alternativa para Download do XML

Além do site do governo, temos outras alternativas que não envolvem a interação com o site do governo. Conforme a lei sanciona, as notas fiscais em formato XML deve ser armazenado pelo emissor e pelo destinatário. Pensando nisso temos claramente que o XML da sua empresa, recebido, deve estar junto a seu fornecedor.

Esta alternativa então é simples, mas não fácil. Devemos solicitar para nosso fornecedor o documento desejado, passando as informações de número e série. Isso é um procedimento comum, mas sabemos que muitas vezes não é tranquilo conseguir.

Caso sua empresa precise de uma ou poucas notas, acredito que não terá problema em conseguir. O problema aparece em notas muito antigas e em maiores volumes. Isso causa desconforto e esforço grande por parte do fornecedor.

Esta alternativa portanto, passa a ser necessária muitas vezes mas não a ideal, pois pode gerar atritos com seu cliente/fornecedor.

 

3ª Alternativa para Download do XML

Um outra alterativa que presa uma busca de documentos emitidos contra a sua empresa, dentro de um período de 90 dias. Esta opção é feita utilizando um software que permite conversar com o governo, trazendo as notas que sua empresa anda recebendo.

Esta ferramenta permitirá sua empresa encontrar e baixar os documentos destinadas. Temos 2 softwares que poderá usar, um do governo e outro aqui do site chamado Gosocket.

Sistema para Baixar Notas – GOVERNO

Sistema para Baixar Notas – ATIVASOFT

 

Conclusão

Muitas empresas precisam encontrar suas notas fiscais diariamente, e nada mais tranquilo manter as notas sempre armazenadas e seguras. Isso porque sua empresa pode precisar de notas emitidas e recebidas por até 5 anos, solicitadas pela fiscalização ou por clientes até.

Para um armazenamento seguro, temos uma opção que pode ajudar sua empresa com muita segurança. Veja como podemos lhe auxiliar com nosso portal de notas fiscais Gosocket. Sem limitações ou complicações.

Cadastra-se e teste sem compromisso. Descubra além do armazenamento, tudo que temos para você.